O plenário da Câmara Municipal de Ingá nesta sexta-feira (19) aprovou requerimentos e iniciou a tramitação na comissão pertinente do Projeto de Lei Nº 06/2017, que dispõe sobre alteração do Artigo 1º da Lei 435/2015, que autoriza o Poder Executivo Municipal de Ingá firmar convênio com a Casa de Passagem da Criança e do Adolescente “Casa Emanuel” para fins de prestação de acolhimento institucional de menores em risco e vulnerabilidade social. O Projeto terá 15 dias para análise e parecer da comissão.

PRONUNCIAMENTOS

Após os trabalhos do primeiro expediente, vereadores fizeram seus pronunciamentos debatendo temas do município e defendendo seus requerimentos. Confira

Alcides Guedes (PSD)  renova críticas à Cagepa devido a falta d’água nos bairros localizados na parte alta da cidade.

Vinícius Bacalhau (PSL) elogia as ações do deputado estadual Bosco Carneiro voltadas para Ingá e região, e explica problema da falta d’água nos bairros da parte alta, levantado por Alcides, que necessita de investimento na instalação de uma nova caixa d’água para resolver o problema.

Mana (PDT) requer capacitação primeiros socorros para um servidor de cada escola, para agir em caso de emergência com crianças

Cipó (PRB) agradece ao prefeito Lenha e secretário de infraestrurtura Dem

Jorge (PTC) requer pracinha no canteiro central da rua de frente ao Mercadinho de Quinho e faz críticas à falta de remédios na secretaria de saúde

Nego dos Transportes (PSB) requer saneamento básico para a rua do Cemitério, a fim de retirar o esgoto que corre a céu aberto e fez sugestões com relação a gestão dos trabalhos da Câmara.

Alex Vilas Boas (PSB) elogiou o trabalho da secretária estadual de desenvolvimento humano Cida Ramos. Rebateu comentários de que os vereadores não trabalham e cobrou também participação do cidadão.